quarta-feira, 13 de maio de 2009

Girl Disappearing


"Sabe o que seria bom? Que a gente desaparecesse e que, no tempo do desaparecimento, o tempo do mundo parasse. Porque aí, quando a gente voltasse pra cá, tudo estaria exatamente igual... Só a gente teria mudado, descansado, recarregado as energias e se preparado para viver novamente... "

(Em conversa "orkutiana" com a Lê.)




Porque não tá dando pra conciliar tudo por enquanto. E eu tô ficando cansada... Queria estar mais presente, mas preciso desse tempo, não pra descansar, que não estou podendo me dar o luxo, mas para cuidar da vida e das minhas obrigações. Por isso, eu faço essa pausa até... não sei quando. Até o dia que eu puder estar tranquila novamente e me dedicar a esse meu espaço como ele merece.

"Big surprise there was
No protection by this urban light
So I'm running to
A constellation"
(Tori Amos)



13 comentários:

Su disse...

Ain, seria muito bom mesmo, Lolli!!!^^
Maaas, infelizmente não podemos parar o tempo, e as coisas seguem seu curso normal, ou anormal, sei lá! O que eu sei é que ele coooorre mesmo!!
Querida, eu te entendo, sei que essa pausa é necessária e tenho certeza que assim que as coisas acalmarem vc volta com tudo!
Beijos, Flor!!!!

Carlinha Abreu disse...

"That life is full of vanishing acts. If something that we didn’t know we had disappears... do we miss it? (...) Like I said, disappearances happen. Pains go phantom. Blood stops running and people, people fade away. There's more I have to say, so much more, but... I've disappeared."
(Grey's Anatomy)

A gente pode até desaparecer, mas o tempo e o mundo continuam aí. Mas sabe o que é melhor? Porque a gente se renova, junta os cacos, muda. E nossa mudança pode fazer certas coisas mudarem também!
Mas não desaparece pra sempre não, certo? rsrsrs
Beijooo

Lorena disse...

Carla, vc citou um dos meus episódios favoritos de Grey's. =)
Sou mesmo um protótipo de Meredith Grey e nem tinha percebido! rsrs

beijos.

e obrigada, Su, espero voltar mesmo e não demorar mto. =)

Du disse...

Já estou sentindo falta dos teus textos... e vou continuar esperando você voltar!

Se cuida, Lore!

Beijos

Thais Motta disse...

Adorei , quem dera que o tempo parasse apenas p. gente ne ?
e melhor ainda seria se ele andasse como desejamos ... ai tu seria mais fácil .. ou não ne ?

mil beijos!

Letícia disse...

Eu quase sumi, Lori. A gente precisa dar um tempo pra ficar de bem com outras coisas. A vida não resume a um blog, livros e outras coisas. Tem mais a ser vivido. E nossas conversas no orkut são o nosso livro. Vou salvar tudo e fazer um colcha de retalhos. =)

Love u.

I'm in the same constellation you are.

Lelê disse...

Acredito q Herbert Vianna quis dizer algo parecido em "Busca Vida":

"..Se for mais veloz que a luz
Então escapo da tristeza
Deixo toda a dor pra trás
Perdida num planeta abandonado
no espaço
E volto sem olhar pra trás.."

adorei ;)

Maíra disse...

Se eu pudesse parar o tempo, parava-o já! E tanto que preciso que ele espere por mim... "Mas a vida não pára, não pára não!"

Faz isso mesmo, usa o tempo que tens pra colocar a vida em ordem ;D

Beijocas.

Natália disse...

Loree, estava mesmo sentindo sua falta e agora eu venho aqui e entendo o porquê do seu sumiço.

É normal acontecer da vida correr tanto que a gente chega a pensar que não vai conseguir acompanhar o ritmo. Acontece da vida "offline" gritar pedindo a nossa atenção.

Então, vá e resolva suas pendências. Trabalhe, estude, corra atrás. Descanse se vagar um tempinho. E quando der, volte. Estaremos aqui esperando mais um texto seu. :)

Beijos

Amigao disse...

Sabe o que seria bom? Que você nunca sumisse daqui.

Beijão lindona!

Éverton Vidal disse...

Lorena, minha amiga. Quanto tempo rs.

Assino embaixo da sua frase, estou meio "fora" também. Mas a gente volta, sempre volta.

Abraço e feliz sábado.
Inté!

On The Rocks disse...

ando sumido, é verdade. espero que você volte logo.

bj

Du disse...

Lore, fiquei muito feliz com a tua visita e principalmente com teu comentário, foi um grande conforto pra mim sabia? Obrigada, minha querida!
Muito, muito bom te ter de volta!

Beijão no seu coração!